segunda-feira, 6 de junho de 2011

O Deus de Abraão, Isaque e Jacó

Ontem em uma pregação do Pastor Luiz que é um homem abençoadíssimo eu entendi o por que Deus era conhecido no antigo testamento por Deus de Abraão, Isaque e Jacó.

Na história de Abraão Deus mostrou uma de suas principais características e isso permanece até hoje, Deus é um Deus de ALIANÇA.
Com Abraão Deus fez um pacto e prometeu que Abraão que na época ainda era Abrão seria pai de nações a através de sua aliança ele seria abençoado com um filho, mesmo sendo temente a Deus Abraão em certa ocasião duvidou que poderia gerar um filho na idade que se encontrava, e sua esposa Sara também riu sobre a promessa de Deus.
Mas assim como naquele tempo, ainda hoje a aliança que Deus faz conosco depende de nossa fé, na palavra diz que a fé é o que pode agradar a Deus e somente pela fé podemos ver as maravilhas de Deus.
Se você tem uma palavra, um chamado ou algo que Deus falou contigo saiba que Deus está pronto e vai cumprir a parte Dele na aliança, a sua parte deve ser cumprida pela sua fé e ai verá a palavra que você recebeu se cumprir e a benção de Deus se fará presente em sua vida.
Deus refez sua aliança conosco através de Jesus e por Ele somos salvos e remidos dos pecados.

Na história de Isaque que foi o filho dado à Abraão por Deus podemos ver que nosso glorioso Pai é um Deus de MILAGRES, pois na idade de 100 anos Abraão teve um filho, isso hoje é aos nossos olhos impossível mas para Deus Isaque foi o fruto do milagre anunciado e planejado na vida de Abraão pelo Senhor.
Isaque aos 12 anos foi pedido em sacrifício por Deus, Abraão mesmo amando seu filho incondicionalmente não pestanejou em nenhum segundo e preparou tudo para o sacrifício de Isaque assim como Deus pediu, porém Deus não queria Isaque em sacrifício mas sim testava Abraão em sua fé e Abraão foi impedido quando já encontrava-se com o cutelo em mãos para imolar Isaque pelo Anjo de Deus que bradou ''Pare Abraão, nada faça ao menino''.
Deus pode fazer o impossível em sua vida, Deus pode tornar real aquilo que você não acredita pois ele é o Deus dos milagres.

Na história de Jacó Deus prova que é um Deus de RESTITUIÇÃO, ele pode transformar sua vida não importa em que estado ela esteja.
Jacó era simplesmente um trapaceiro e sua vida andava por caminhos tortos desde seu nascimento, ele e seu irmão Esaú diz a palavra brigavam já dentro do ventre materno e Isaque fez diversos atos impuros em sua caminhada e pagou por eles com uma vida miserável até que Deus em Peniel confrontou Jacó através do anjo que pelejou com ele durante toda a noite e pela manhã o Anjo o abençoou e Jacó foi restaurado e se tornou um grande homem usado por Deus em seu tempo.

Portanto saiba que o Deus de Abraão, Isaque e Jacó simplesmente quer dizer o Deus de ALIANÇA, MILAGRES e RESTITUIÇÃO.

Confie em Deus com todo o seu coração e exercite a sua fé pois na sagrada escritura Deus fala que a fé sem obras é inútil e que devemos praticar o que aprendemos da parte de Deus pois só assim podemos atingir um nível de fé o qual agrada o coração de Deus.

7 comentários:

  1. Muito interessante o seu relato!

    ResponderExcluir
  2. Hugo Cordeiro Gomes23 de julho de 2012 21:37

    vou pregar uma mensagem parecida com essa ,porém caracterisei o Deus de Abraão como :oDeus que promete e cumpre com suas promessa,.oDeus de Isaque como: o Deus da provisão eo Deus de Jacó como: o Deus da transformação.
    fique com Deus e continue escrevendo mensagens edificantes como essa.

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito mais um pouco mais do Deus que faz promessa que cumprir promessa e o Deus que renovar promessa

    ResponderExcluir
  4. AMEI MUITO BOM
    TIREI MUITAS DUVIDAS QUE TINHA
    QUANDO FALAM O Deus de abraao de isaque e jac.
    parabens

    ResponderExcluir
  5. Amém, Dúvidas tiradas!

    ResponderExcluir
  6. gostei muito, na minha pregação, vou copiar essas palavras. obrigado.

    ResponderExcluir
  7. Defender a honra de Jacó,virou rotina pra mim.
    Apesar do significa do seu nome,Jacó não enganou seu irmão,ele negociou com ele. Esaú é chamado por Deus de profano,por ter negligenciado seu direito de primogenitura por um prato de lentilhas(Hb 12:16).Ele vendeu,se o preço ofertado foi um prato de comida,ele aceitou de forma consciente. Por tanto,não houve trapaça da parte de Jacó.Se não,o errado aos olhos de Deus, seria Jacó,segundo o texto de Hebreus 12.16.
    Com Labão,seu sogro,foi Deus quem o enriqueceu,(Gn 31:9),não ha ,em nenhum momento jogo sujo da parte de Jacó,ele sim,é a vitima das falcatruas de Labão(Gn 31:1-21). Não é correto afirmar que Jacó se comportava de forma desleal por causa do significado do seu nome,o que a bíblia revela,em uma analise ampla e completa da historia de Jacó,é que em todas as vezes, que ele negociou com alguém,sempre saiu com a vantagem.Já dizia o ensaísta francês Michel de Montaigne" O lucro de um homem é a desgraça do outro."
    Até mesmo com o anjo,Jacó pelejou e prevaleceu.
    Esta é a verdadeira e correta forma de entender nosso querido amigo Jacó.Tão mal compreendido por muitos que julgam pelo seu nome e não por seu caráter.
    Pr. Josimar Arujo

    ResponderExcluir

Se sentiu abençoado com essa postagem?
Comente: